Notícias

Treinamento reduz em até 25% consumo de combustível de máquinas, diz consultor na M&T Expo

Feira, que se encerra nesta quinta (29), tem programação intensa de palestras na Arena de Conteúdo e apresentações de máquinas ao vivo na Arena de Demonstração

A telemetria tem vários aspectos relevantes, muitos deles ligados ao desempenho de máquinas utilizada na construção e mineração, mas também pode contribuir quando se leva em conta questões comportamentais dos operadores dos equipamentos. A ideia foi defendida por Silvimar Reis, vice-presidente da Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração (Sobratema) e autor do livro Conversando com a Máquina em palestra da Arena de Conteúdo, na M&T Expo 2018 – 10ª Feira Internacional de Equipamentos para Construção e Mineração, que se encerra nesta quinta-feira (29), em São Paulo.

Para Reis, o perfil do trabalhador e seus hábitos ao operar a máquina, podem ter um impacto imenso por exemplo no consumo de combustível. “Dependendo da severidade da aplicação, após treinamento e mudança de comportamento, é possível reduzir o consumo de combustível em até 25%. Os gastos com vícios de marcha lenta também podem baixar 85%”, disse. A seu ver, apenas por perceber que está sendo monitorado, “um operador pode melhorar sua performance entre 5% e 8%”.

Entre os cases que apresentou na palestra, Reis mostrou a aplicação de mapas de calor que revelam os lugares onde ocorrem eventos importantes para indicar, por exemplo, onde os motoristas têm realizado freadas bruscas. “A informação não é dispensada pelo gestor, que pode tomar providências para mudar o layout de uma pista em uma mina e resolver a questão”, garantiu Reis.

Segundo ele, a telemetria também ajuda muito a identificar os “sinais vitais” de um equipamento, alertando preventivamente o supervisor de que uma manutenção é necessária para evitar a quebra do caminhão. Outro fator é o ganho para o meio ambiente, que em muitos casos permite à empresa pleitear certificações ambientais.

Reis demonstrou ainda a utilidade do Mix Smart, software que mostra onde o operador está na frente de trabalho. “A ferramenta é excelente para medir a produtividade de cada trabalhador. Ela revela desde a posição do equipamento até a velocidade, acelerações, temperaturas e pressões. Com isso tudo, permite que a empresa organize um ranking dos colaboradores e atue em treinamento para melhorar o desempenho deles”, comentou. 

Conferencista garante na M&T Expo que guindaste pode economizar até R$ 27 mil em obra de 15 andares

“Quando utilizado na construção de um prédio de 15 andares, um guindaste pode resultar em uma economia de, no mínimo R$ 27 mil, no transporte de material”. A estimativa foi divulgada por Luiz Meirelles, responsável pela área de vendas da Liebherr, durante palestra na Arena de Conteúdo, na M&T Expo 2018, que se encerra nesta quinta-feira (29), em São Paulo. O palestrante salientou também que esse tipo de maquinário pode alcançar altos ganhos de produtividade no canteiro de obras.

Falando especificamente do modelo 85 EC-B, o executivo informou ainda que esse tipo de guindaste tem capacidade de movimentar até 5 toneladas. “Outra grande vantagem desse equipamento diz respeito ao ganho de produtividade, já que pode ser usado 36 horas por semana”, atesta Meirelles. Redução de deslocamento, diminuição de estoque, melhor organização do canteiro de obras e redução do desperdício são os outros benefícios que as construtoras podem conseguir ao adquirir o modelo 85 EC-B.

A Liebherr tem expectativa de que as vendas de seus equipamentos tenham um incremento de 10% em 2019 em relação a 2018. “Estamos esperando a retomada do setor de construção, quando deve aumentar o interesse do mercado”, conclui Meirelles. 

Explode o uso de plataformas de trabalho aéreo na construção, aponta palestrante da M&T Expo

O crescimento do estoque de plataformas de trabalho aéreo (PTAs) no Brasil foi impressionante nas últimas décadas. "Em 2006, tínhamos 1490 unidades; em 2018, o mercado acumula mais de 38 mil”, contou Rafael Antonio, responsável pelo pós-venda da Genie, da Terex, em palestra da Arena de Conteúdo da M&T Expo 2018.

Segundo o palestrante, a demanda por novidades nesse segmento continua grande. Já estão disponíveis, por exemplo, equipamentos com dois envelopes de trabalho (chamados de Xtra Capacity), que possibilitam a operação com alturas e capacidade de cargas diferentes, e sistemas de conexão com softwares de telemetria. Além disso, a empresa promete para 2019 um lift guard para tesouras.

Antonio destacou a plataforma telescópica motorizada Z60-FE como exemplo da evolução das PTAs nos últimos 20 anos. Ele apontou o equipamento como exemplo de eco-friendly por apresentar uma tecnologia híbrida dotada de um banco de baterias elétricas que alimentam o módulo de trabalho e os motores. A plataforma atinge até 20,16 metros de altura de trabalho e carrega até 227 kg. 

Marketing digital para locadora de máquinas vai muito além de imagens, aconselhou especialista na M&T Expo

As cerca de 15 mil locadoras de máquinas para construção que almejam deslanchar seus negócios online precisam ir além dos recursos de visualização, como fotos, e investir em conteúdo consistente. O conselho foi dado pelo empresário Ronaldo de Barros, diretor de marketing e vendas do Portal do Locador, durante a palestra “Marketing digital para locadoras de máquinas e equipamentos”, proferida na Arena de Conteúdo, durante a M&T Expo 2018, que se encerra nesta quinta-feira (29), em São Paulo.

“Hoje, quem quiser ser referência de negócios no Google, precisa ter estratégia, não basta apenas colocar fotos de equipamentos. Sem essa tática, ao parar de pagar o Google Adwords, a empresa simplesmente pode não aparecer e, portanto, perder negócios”, explica Barros.

Segundo ele, o tipo de conteúdo a ser oferecido pode ser tanto técnico quanto jornalístico. “Pode-se gerar uma notícia por semana, por exemplo, o que vai dar uma média de quatro por mês, o que é muito promissor. Mas a criação de newsletters é um grande negócio, pois a empresa pode tornar-se referência, pois terá seu site acessado mais vezes, e, portanto, gerar mais negócios”, explica.

Quanto à presença em redes sociais, o executivo explica que, no caso de locadoras, essas plataformas podem não ser tão atrativas para fechar negócios. “As redes sociais são canais ideais para atrair pessoa física. Já as empresas que locam não usam esse tipo de plataforma”. 

A 10ª M&T Expo é o principal ponto de encontro do setor na América Latina. Promovida, pela primeira vez, em 1995, pela Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração (Sobratema), a edição de 2018 marca o início do acordo de cooperação de longo prazo firmado entre a entidade e a Messe München, promotora da bauma, maior feira mundial da área de equipamentos para construção. Para visitar a M&T Expo 2018, basta realizar o credenciamento online no site oficial.

Serviço:

M&T Expo 2018 – 10ª Feira Internacional de Equipamentos para Construção e Mineração

Data: 26 a 29 de novembro de 2018

Horários: 26 a 28 – 13h às 20h

                   29 – 9h às 16h

Local: São Paulo Expo Exhibition & Convention Center – Rodovia dos Imigrantes, km 1,5 – Água Funda – São Paulo/SP

Informações e credenciamento: http://www.mtexpo.com.br

 

Sobre a Messe München

A Messe München é uma das empresas líderes mundiais de feiras de negócios. Organiza cerca de 50 feiras de bens de capital e de consumo e as mais importantes feiras de alta tecnologia em Munique e em outros países. A cada ano, mais de 30.000 expositores e cerca de dois milhões de visitantes participam em eventos realizados no centro de feiras e exposições da Messe München, no ICM – Internationales Congress Center München e no MOC Veranstaltungscenter München (Centro de Congressos de Munique). Além disso, a Messe München organiza feiras em países como China, Índia, Turquia e Rússia. A Messe München tem uma presença empresarial global com afiliadas na Europa, Ásia e África e mais de 60 representantes estrangeiros trabalhando em mais 100 países.

Sobre a Sobratema

A Sobratema – Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração se dedica a propor soluções para o desenvolvimento tecnológico do setor, difundir conhecimentos e informações e participar da formação, especialização e atualização de profissionais que atuam no mercado brasileiro da construção e mineração. Com 30 anos de atividade, conta com o apoio de mais de 650 associados (profissionais e empresas de construção, de locação, fabricantes e prestadores de serviços) e de parcerias estratégicas, com as principais entidades e empresas do setor da construção e da mineração no Brasil e Exterior. A entidade possui a Inteligência de Mercado, dedicada a estudos e pesquisas para subsidiar a tomada de decisões estratégicas das empresas, o Instituto Opus para capacitação profissional, a Sobratema Publicações para edição de livros e revistas técnicas. Além disso, organiza eventos especializados: a BW Expo – Feira de Serviços e Tecnologias para Gestão Sustentável de Água, Resíduos, Ar e Energia, Workshop, Fórum Infraestrutura, Tendências no Mercado da Construção e as Missões Empresariais, que levam profissionais para as mais importantes feiras internacionais dos setores da construção e da mineração.

Página Relacionada: noticiadorweb.com.br/index.php?action=show&secao=exibir_noticia&noticia_id=17002

Matéria no NoticiadorWeb: Treinamento reduz em até 25% consumo de combustível de máquinas, diz consultor na M&T Expo

Autor: Newsletter do Locador

Data de Publicação: 30/11/2018

Esta notícia já foi visualizada 77 vezes.

Esta notícia ainda não tem comentários.

Deixe um comentário

Nome  
E-mail  
Telefone  

Desejo receber notificações se alguém mais comentar a noticia.