Notícias

Os integrantes da quadrilha se passavam por clientes de empresas de Locação para roubar os escavadeiras

Escavadeiras roubadas têm valor de mercado entre R$ 200 mil e R$ 300 mil e eram revendidas de R$ 30 mil a R$ 40 mil

Operação Arapuca, da Polícia Civil de PernambucoFoto: Anderson Stevens/Folha de Pernabuco

Uma organização criminosa suspeita da prática de roubo de escavadeiras foi desarticulada nesta quarta-feira (27) pela Operação Arapuca, da Polícia Civil de Pernambuco. Todos os nove mandados de prisão expedidos pela Vara Criminal da Comarca de Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife, foram cumpridos. Outros cinco mandados de busca e apreensão domiciliar foram emitidos.



Segundo o delegado da Diretoria Integrada Especializada (Diresp), José Cláudio Nogueira, as investigações tiveram início em novembro de 2017. "Passamos a investigar esta quadrilha quando registramos o roubo de uma escavadeira", disse. Os integrantes da quadrilha se passavam por clientes de empresas de locação para roubar os equipamentos.



"Eles se passavam por clientes e locavam as máquinas. Quando os equipamentos eram levados para o local do serviço, eles rendiam as pessoas e subtraiam", detalhou o delegado, acrescentado que o destino das máquinas já era certo: o interior do Estado. "Não podemos afirmar quem estava recebendo, mas, com certeza, eram pessoas que trabalham com locação ou em propriedades agrícolas. Todos serão indiciados dentro do inquérito policial e poderão ser presos", completou.



As escavadeiras roubadas têm valor de mercado entre R$ 200 mil e R$ 300 mil e eram revendidas de R$ 30 mil a R$ 40 mil. "Com plena certeza, quem comprava sabia que eram produtos roubados", pontuou o delegado. As localizações das máquinas ainda estão sendo investigadas pela Polícia Civil, que já identificou o roubo de seis equipamentos.



Além da prática do roubo das escavadeiras, o grupo agia com violência segundo o delegado José Cláudio. "Eles cerceavam a liberdade das vítimas e os rendiam para poder levar as máquinas até conseguir um local para esconder o equipamento", finalizou.



Os presos deverão responder pelos crimes de associação criminosa e roubo majorado – quando há o emprego de violência – e foram levados à sede do Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri), no bairro de Afogados, na Zona Oeste do Recife.

 

Fonte: Folha de PE

Página Relacionada: http:// https://www.folhape.com.br/noticias/noticias/pernambuco/2018/06/27/NWS,73089,70,772,NOTICIAS,2190-QUADRILHA-SUSPEITA-ROUBAR-ESCAVADEIRAS-PRESA.aspx

Matéria no NoticiadorWeb: Os integrantes da quadrilha se passavam por clientes de empresas de Locação para roubar os escavadeiras

Autor: MKT PortaldoLocador.com

Data de Publicação: 03/07/2018

Esta notícia já foi visualizada 31 vezes.

Esta notícia ainda não tem comentários.

Deixe um comentário

Nome  
E-mail  
Telefone  

Desejo receber notificações se alguém mais comenta a noticia.