Notícias

Fabricantes de equipamentos para construção fazem bons negócios na Agrishow

Nesta sexta-feira (4/5), às 15h00 na Sala de Imprensa da Agrishow 2018, situada à Rua D, as entidades realizadoras divulgarão um balanço preliminar da feira

Com o bom desempenho do agronegócio brasileiro, empresas que tradicionalmente atuam nos ramos de construção civil, mineração, entre outros, também voltam suas atenções para o campo, participam da 25ª Agrishow – Feira Internacional de Tecnologia Agrícola e comemoram os bons resultados em vendas ou em prospecções de futuros negócios. Duas dessas empresas, Manitou e XCMG, por exemplo, projetam crescimento de 200% em negócios em relação às suas participações anteriores na feira.

“Triplicamos anualmente as nossas vendas na Agrishow”, afirma Marcelo Bracco, diretor responsável pela operação Brasil da multinacional francesa Manitou. O foco agrícola da empresa no Brasil são os segmentos de grãos e silagem. “Nossos produtos manejam qualquer tipo de carga, substituindo carregadeiras, tratores e empilhadeiras”, acrescenta Bracco. A Manitou participa da Agrishow desde 2015 e, apesar do bom desempenho na feira, Bracco cita que a empresa ainda engatinha no agronegócio.

A estatal chinesa XCMG está em sua segunda Agrishow (a primeira foi em 2016) e já projeta os próximos passos. “A feira nos surpreendeu, com 200% de negócios a mais em relação à participação anterior”, informa Amanda Cassia Machado, coordenadora de marketing e novos negócios da empresa, com forte presença em construção civil e mineração. Os melhores desempenhos em vendas foram das carregadeiras de pequeno porte, de 1,8 t e 3 t, adquiridas por produtores de grãos. O setor sucroalcooleiro é outra meta da empresa, que já projeta o retorno à feira com produtos mais específicos para o campo.

Em sua primeira participação na Agrishow, a Komatsu Brasil International, multinacional japonesa, contabilizou negócios da ordem de R$ 3 milhões até dia 2 de maio. “Nossa expectativa é atingir R$ 20 milhões em vendas até por conta da participação do Banco Komatsu e com o pós-feira”, afirma Chrystian Garcia, gerente de desenvolvimento de distribuidores da Komatsu Brasil International.

Ricardo Fonseca, diretor da unidade de construção da Sotreq, representante da Caterpillar lembra que a marca retornou à Agrishow no ano passado depois de mais de 15 anos ausente. Ela já atua forte no setor sucroalcooleiro e projeta expandir a linha de carregadeiras para outras culturas nos próximos anos. Segundo o executivo, as vendas aumentaram 15% em relação a 2017. “Nosso objetivo é ajudar os clientes a produzir mais, gastando menos”, cita Fonseca.

A New Holland Construction destaca nesta participação na Agrishow 2018 a qualificação do público visitante. “Recebemos produtores rurais de todas as regiões e de todos os portes. Nesta edição, percebemos uma evolução da capacidade técnica dos clientes, que sabiam o que estavam procurando. No momento em que há uma maior automatização do campo, esses tipos de equipamentos beneficiam os produtores rurais”, afirma Paula Araújo, gerente de Marketing da marca para a América Latina.

Há cinco anos na feira, a Liebherr, multinacional alemã com fábrica em Guaratinguetá (SP), volta-se para o campo, projetando vendas de pá carregadeira para bagaço de cana, tendo como clientes usinas e locadores desses maquinários que trabalham para elas. “A Agrishow atrai 80% de empresas do ramo agrícola, mas também de vários outros segmentos”, explica o supervisor de vendas da Liebherr, Márcio Abirached. A feira tornou-se, dessa forma, um ponto de encontro com seus clientes e também de prospecções para futuros negócios.

Em palestra na Agrishow, ex-ministro Meirelles diz que Brasil deve ter ciclo sustentável de crescimento 

Após as reformas recentemente promovidas pelo governo e pelo Congresso, o Brasil deve entrar num novo ciclo de crescimento, que tende a ser de longa duração, sustentável e sem os altos e baixos que caracterizaram as últimas décadas da economia nacional. A avaliação é a síntese da palestra proferida nesta quinta-feira (3/5), pelo ex-ministro da Fazenda, Henrique Meirelles na 25ª Agrishow – Feira Internacional de Tecnologia Agrícola, evento organizado pelo Lide Ribeirão. “Se continuarmos na linha de reformas com vistas a aumento da produtividade geral da economia e de redução do tamanho do Estado, o país pode conseguir uma sequência de crescimentos anuais na casa dos 4%”, afirmou o ex-ministro.

Especificamente em relação aos desdobramentos da reforma trabalhista, Meirelles acredita que ela possa resultar na criação de 6 milhões de novos postos de trabalhos nos próximos 10 anos. “Outro grande avanço que tivemos foi em relação a aprovação do teto dos gastos. “A aprovação do teto de gastos permitiu evitar uma grave crise fiscal que poderia elevar a relação gastos totais do governo/PIB para o patamar dos 25% nos próximos anos, já que, em 2016, esse percentual já se aproximada dos 20%. Com a observação do teto de gasto, será possível manter essa relação em 15%”, comentou Meirelles.

Em sua palestra, o ex-ministro também fez questão de ressaltar a importância do agronegócio brasileiro representado pelo sucesso da realização da Agrishow 2018. “Todos vocês devem sentir muito orgulho de fazer parte desse momento”. 

Tecnologia em pneus chamam a atenção na Agrishow

Fabricantes de pneus que participam da Agrishow estão despertando bastante interesse dos visitantes, devido ao desenvolvimento de novas tecnologias incorporadas aos produtos. A Firestone, por exemplo, lançou um novo produto com cintas de aço que permitem carregar mais carga, inclusive em altas velocidades, o que permite economia de tempo e combustível. A linha, chamada de Performer Row Crop, tem a área de contato aumentada e proporciona 4% de tração a mais do que os pneus sem essa tecnologia. “Estamos iniciando as comemorações de 95 anos da Firestone no Brasil na Agrishow 2018. Ao longo do ano, teremos uma série de ações e novidades ligadas ao aniversário da companhia”, comentou Renato Baroli, diretor de vendas e varejo da Bridgestone.

A Vipal investiu no trabalho institucional para divulgar o que está sendo feito pela empresa junto ao consumidor. “Nossa ideia é ouvir o visitante da feira e o produtor rural, e aperfeiçoar nossos produtos a partir das demandas que surgem no campo”, explica Giuliano Mota, gerente de frotas e negócios da empresa.

A ATG, fábrica indiana de Pneus, está participando pela primeira vez com a ideia de aumentar as atividades na América Latina. “O mercado brasileiro e latino-americano é promissor e nós temos os produtos necessários para atender com qualidade as necessidades das empresas ligadas ao agronegócio, assim como ao produtor rural” disse Sameer Mehta executivo da empresa.

 A Tripler, fábrica de bandas de borracha não vulcanizadas usadas para o processo de reforma de pneus, também veio para a Agrishow para aumentar o volume de negócios juntos aos representantes, assim como mostrar a presença da marca para os produtores rurais. “É uma experiência que faz com que possamos melhorar ainda mais a qualidade de nossos produtos e as relações com nossos consumidores” disse Caio Chiomento, químico da empresa.

 A Michelin apresentou na Agrishow novos produtos para aumentar a performance das máquinas no campo, de forma a conseguir até 15% de economia de combustível e mais de 4% de rendimento agronômico por ano. Com garantias de até nove anos após a data da compra para pneus agrícolas e de até três contra danos acidentais no campo.

  • Visitas à feira – O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, deve visitar a Agrishow nesta sexta-feira (4/5). Na quinta, quem esteve visitando a feira foi o pré-candidato ao governo de São Paulo, Rogério Chequer (Partido Novo).

Mais informações:

AGRISHOW 2018 – 25ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação

Data: 30 de abril a 4 de maio de 2018

Local: Rodovia  Antônio  Duarte  Nogueira, Km 321 – Ribeirão Preto (SP)

Horário: das 8h às 18h
www.agrishow.com.br

 

Sobre a Informa Exhibitions

A Informa Exhibitions cria comunidades e conecta pessoas e marcas em todo o mundo e, aliando as entregas de suas feiras com uma nova estratégia digital, gera oportunidades e relacionamentos 365 dias por ano. Com escritórios em São Paulo (sede) e Curitiba e cerca de 200 profissionais, a empresa conta em seu portfólio com marcas como Agrishow, Fispal Tecnologia, Fispal Food Service, ForMóbile, Futurecom, ABF Franchising Expo, Serigrafia SIGN FutureTEXTIL, Feimec, Expomafe, Plástico Brasil, High Design Home & Office Expo, entre outros, totalizando 21 eventos setoriais. No mundo, atua em 150 escritórios em 57 países e é líder em inteligência de negócios, publicações acadêmicas, conhecimento e eventos, com capital aberto e papéis negociados na bolsa de Londres.

Mais informações: www.informaexhibitions.com.br

Página Relacionada: Nenhuma Página Informada

Matéria no NoticiadorWeb: Fabricantes de equipamentos para construção fazem bons negócios na Agrishow

Autor: MKT PortaldoLocador.com

Data de Publicação: 04/05/2018

Esta notícia já foi visualizada 52 vezes.

Esta notícia ainda não tem comentários.

Deixe um comentário

Nome  
E-mail  
Telefone  

Desejo receber notificações se alguém mais comenta a noticia.