Notícias

Retomada da economia estimula otimismo do empresariado brasileiro

Esse cenário mais positivo pode ser visto também no setor da construção

Os empresários brasileiros estão mais otimistas. Segundo uma pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas com 402 CEOs, presidentes e líderes empresariais, 60% dos executivos enxergam que a situação atual dos negócios esteja melhor este ano e 75% avaliam que a receita também será melhor em 2018.

O levantamento, realizado durante o almoço-debate do LIDE, também trouxe informações sobre o emprego (48% estão contratando ou pretendem contratar) e sobre o PIB (33% avaliam que a alta será de 3%). O evento contou com a participação do economista Paulo Rabello de Castro, presidente do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES), que informou que o Banco acabou de finalizar o planejamento estratégico para tornar o Brasil uma nação desenvolvida até 2035. "Seríamos um país medianamente desenvolvido em termos de renda se aumentarmos o IDH de 0,75 para 0,86, elevando a renda de US$ 14 mil para US$ 25 mil (PPP). Entretanto, para isso, o desenvolvimento não pode ser tão volátil como foi nos últimos anos; é necessário que o crescimento de 3,2% ao ano tenha estabilidade”.

Para Mônica Araújo, diretora geral da Messe Muenchen do Brasil, esse cenário mais positivo pode ser visto em toda a economia, incluindo o setor da construção, cuja perspectiva é de uma retomada mais consistente no segundo semestre, com resultados positivos em 2019. “Assim, é importante que as empresas iniciem seus investimentos neste ano, criando parcerias e se relacionando com clientes, a fim de estarem inseridas no contexto de crescimento esperado para o ano que vem”.

No entanto, o desenvolvimento citado pelo presidente do BNDES só será possível, segundo Mônica, se houver uma melhor infraestrutura no país. “Por isso é fundamental que haja o crescimento dos investimentos no segmento”, diz. Ano passado, dados da consultoria InterB mostram que o Brasil alcançou a pior taxa de aportes na área da história – 1,4%, com R$ 87 bilhões investidos. “Entidades setoriais e especialistas de mercado avaliam que apenas para manter os ativos existentes, seria necessário um aporte de 3% do PIB. Já para um fomento mais robusto em infraestrutura, esse índice deveria ser de 5%”, conta.

Mônica analisa ainda que os investimentos em infraestrutura afetam diretamente toda a cadeia produtiva, desde construtoras, empresas de engenharia, escritórios de arquitetura, empreiteiras, até locadoras, prestadores de serviços, fornecedores de materiais e fabricantes de equipamentos. “A indústria da construção é um dos segmentos que responde mais rapidamente quando há investimento, gerando emprego e renda para as pessoas e fomentando a economia”.

Para a área de equipamentos, uma das oportunidades para estar inserido no mercado será durante a M&T Expo – Feira Internacional de Equipamentos para Construção e Mineração, que ocorrerá entre os dias 5 e 8 de junho, no São Paulo Expo. Considerado o maior evento da América Latina nesses segmentos, reunirá mais de 400 expositores nacionais e internacionais, apresentando os lançamentos mais importantes e as tecnologias mais inovadoras para aumento de produtividade, segurança, sustentabilidade e rentabilidade.

“A percepção é de que a feira será, mais uma vez, um termômetro para sentir o grau de recuperação do segmento neste ano”, afirma Augusto Andrade, diretor de Eventos da Messe Muenchen do Brasil. "Segundo informações da Sobratema (Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração), historicamente, a feira responde por 30% do faturamento anual do setor”, acrescenta. Na última edição, as estimativas apontaram para a geração de negócios da ordem de R$ 3 bilhões.

Única feira a ser realizada na área de construção e mineração, a M&T Expo 2018 está em sua 10ª edição. A feira foi promovida, pela primeira vez, em 1995, em uma iniciativa da Sobratema. A edição de 2018 marca o início do acordo de cooperação de longo prazo firmado entre a entidade e a Messe München, promotora da bauma, maior feira mundial da área de equipamentos para construção. Com isso, a feira passa a ser organizada e promovida pela Messe Muenchen do Brasil.

Serviço:
M&T Expo 2018 – 10ª Feira Internacional de Equipamentos para Construção e Mineração
Data: 5 a 8 de junho de 2018
Local: São Paulo Expo Exhibition & Convention Center – Rodovia dos Imigrantes, km 1,5 – Água Funda – São Paulo/SP
Informações: http://www.mtexpo.com.br

Página Relacionada: Nenhuma Página Informada

Matéria no NoticiadorWeb: Retomada da economia estimula otimismo do empresariado brasileiro

Autor: MKT PortaldoLocador.com

Data de Publicação: 19/03/2018

Esta notícia já foi visualizada 42 vezes.

Esta notícia ainda não tem comentários.

Deixe um comentário

Nome  
E-mail  
Telefone  

Desejo receber notificações se alguém mais comenta a noticia.